Teses

Paisagens Infantis

Adriana Friedmann

Transformação Lúdica

Melina B. Alves Rocha

Jogos Pós-modernos

Vando Queiroz

Lúdico Libertador de Labirintos

Mônica Bernardo Toutin

O olhar para a pessoa do educador

Maity Lotufo L. de Moraes

Observações do Universo Infantil

Luísa Jun Nagashima

Ludicidade na Universidade: esta rima combina?

Daniela Gomes

Diálogos entre Ludicidade e Processo Criativo na Arte Infantil

Lynn Carone

Três Experiências Transdisciplinares de Formação Lúdica

Daniela Gomes

Please reload

Bibliografias

Bibliografia Básica Jogo

Bibliografia Periódicos

Periódicos Educação Infantil

Please reload

Brincadeiras Regionais

O Projeto

 

O objetivo do projeto Rede de Brincadeiras Regionais do Brasil é o de formar uma rede de intercâmbio entre diferentes instituições e/ou pessoas físicas do país, que valorizem e resgatem as brincadeiras de suas regiões, consideradas como um patrimônio da cultura local.

Acreditamos que este patrimônio de brincadeiras pode ser enriquecido e divulgado de forma mais ágial, fazendo uso da rede, assim como incrementando a troca, o estudo e a pesquisa de brincadeiras e informações entre as diferentes regiões do país.

Na década de 70 começou a ser desenvolvido um projeto internacional com o intuito de resgatar os Jogos Tradicionais do mundo. Este projeto foi uma iniciativa da Universidade de Belgrado, Iugoslávia e da OMEP (Organização Mundial de Educação Pré-escolar) mundial. Porém, não foi para frente enquanto projeto internacional.   

No Brasil o projeto começou em 1990 a partir da coletânea realizada e registrada com a publicação do livro “A arte de brincar” de Adriana Friedmann (Ed. Scritta), resgatando brincadeiras tradicionais na cidade de São Paulo. Em 1993 foi desenvolvida no Labrimp (Laboratório de Brinquedos e Materiais Pedagógicos) da Faculdade de Educação da USP, uma pesquisa que registra mais de 1000 brincadeiras nas regiões Centro Oeste, Sul e Norte do país. Em 1999, com o incentivo do resgate e da valorização do brincar nas instituições de Educação Infantil, promovido pelo MEC através dos novos Parâmetros Curriculares, alguns pólos em diferentes regiões do país, têm refletido a esse respeito e feito levantamentos de brincadeiras regionais.     

Entrevistas

Cadernos do NEPSID

Cadernos do NEPSID 1

Segredos do Mundo Lúdico

Cadernos do NEPSID 2

História e Simbolismo de jogos, brinquedos e brincadeiras universais

Cadernos do NEPSID 3

Diálogos sobre a infância e a educação

Please reload

Artigos

Dar voz às crianças: desafio e prioridade

História do percurso da sociologia e da antropologia na área da infância

O Brincar nas crianças de 0 a 6 anos

Crianças em comunidades ribeirinhas

Crianças de áreas urbanas

Crianças de áreas rurais